02/06/2011

2/30

Ser, ou deixar de ser. Ou ainda: ser outro alguém.

Até que ponto vale a pena abir mão de seus desejos e vontades por outra pessoa? E que pessoas tem o direito de exigir que você abra mão de qualquer coisa para satisfazê-la ? Alguém tem esse direito ??

Penso que apenas nós mesmos estamos aptos para deixar algo com que tanto sonhamos de lado para dar lugar a novos planos, talvez conjuntos... Planos que substituirão outros antigos, mas que trarão novos anseios... Partilha, divisão, comprometimento... Casamento. Parceria, Aliança, Comodismo... Questões que devem ser pensadas antes de serem tomadas quaisquer decisões, que por menores que pareçam hoje podem mudar os rumos de sua vida no futuro. 

Partilhar sonhos, amores, desejos, fantasias, não é nada fácil. Dividir a sua vida com alguém não é fácil... Aí as vezes a gente se pergunta se deve realmente partir pra esse caminho, ou se deve esperar até ter certeza do que esperar de si e do outro... Acredito que o melhor é esperar e não ficar com a ansiedade a mil, querendo que tudo aconteça de hora para outra. 

Tempo ao tempo. Afinal, o tempo é o senhor da razão.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...