30/01/2012

#VidaAlheia Paula Fernandes

'Conheci' Paula Fernandes creio que em 2007 quando ouvi algumas músicas do CD 'Canções do Vento Sul', muito bom por sinal, com um toque de sertanejo romântico que me deixou encantado, principalmente com a voz dela. A carreira musical ela segue já tem um tempo, mas eu conheci desse ponto em diante. Jovem, bela voz, belo rosto, muito talento. Me apaixonei de vez quando ouvi 'Pássaro de Fogo', creio quem em 2009. E de lá pra cá acompanho o trabalho dela, suas canções e notícias acerca da vida pessoal da cantora. 

Não que sua vida pessoal seja da conta de qualquer pessoa além dela, mas muita coisa mudou desde que 'conheci' Paula. A menina de jeito tímido - que ainda permanece, em partes - com botas, calça jeans, camisa (xadrez ou não) e chapéu deu lugar à uma mulher, com muitas curvas, saltos altos, micro vestidos e sem chapéu, com lindos cabelos encaracolados e sempre tão bem cuidados...

Enfim, o que quero dizer é que não acredito que alterar o estilo da cantora era essencial para alavancar sua carreira, o que de fato aconteceu e em partes pode-se dizer que foi à isso. A 'feminilização' [não que ela precisasse, ao meu ver] pela qual passou a cantora foi grande. E bastante perceptível.

Daí eu fico as vezes pensando: por que as pessoas não reconhecem o talento de um indivíduo apenas pelo talento? É realmente tão fundamental 'agradar' o olhar do público criando personagens? Bom, a resposta infelizmente é Sim. Imagem vende. Imagem se constrói. Imagem se destrói. 


Fonte da Imagem: Cena Fashion.
fico feliz em perceber que a cantora mudou muito por fora, mas permanece sendo ela, respeitando seu gosto musical - que não é apenas sertanejo de raiz - e com todo o talento que sempre teve. Críticas imensas ela recebe - assim como a maioria das pessoas que estão na mídia - diariamente, e assim vai permanecer. Mas eu ainda não me conformo com a mudança - que provavelmente foi imposta pela gravadora e seus assessores - feita no estilo de vestir da cantora. Concordo que ela poderia ser mais delicada no vestir - com relação ao estilo antigo - mas discordo dos excessos de feminilidade que ela apresenta agora. Não vejo necessidade de micro-vestidos, corseletes, tanta evidência dos seios, da cintura e do quadril... Isso é bonito? Claro. É necessário? Pelo que parece sim. 



Fonte da Imagem: Tem Mais - Blog das Meninas.
Da maquiagem também não precisa falar nada... Olha a primeira foto com um rosto limpo, delicado e com uma maquiagem clássica, elegante e feminina. Atualmente este é outro quesito explorado, provavelmente, por seus produtores. Mas como já disse, pelo menos a cantora continua mostrando que tem talento para cantar e encantar seu público. E discordo das críticas recentes ao single lançado em parceria com a cantora americana Taylor Swift (Long Live), que é 'acusado' de ser sem sal, sem graça, e medíocre. Medíocre é a mente de quem critica o trabalho alheio por não aceitar o que é produzido pelo nosso próprio país. Medíocre é dizer que Paula Fernandes copia tudo o que Taylor Swift faz. Medíocre é querer derrubar a imagem de uma estrela que continua em ascensão. Medíocre é não fazer melhor que ela.

Só não me conformo com a mudança radical no visual da Paula, no restante, continuo sendo seu fã, ouvindo suas músicas, comprando seus cd's. E principalmente reconhecendo que ela tem muito talento.

E abaixo, o clipe da música Long Live, lançado em parceria com Taylor Swift.



Eu gostei 
:)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...