21/01/2019

As palavras têm poder!


É comum ouvirmos que ‘as palavras têm poder’, mas nem sempre nos damos conta do que isso realmente significa. No entanto, entendemos muito bem quando recebemos de alguém (principalmente das pessoas mais próximas) um elogio, uma palavra de carinho ou ainda – e, geralmente, essas são as palavras que mais marcam – quando recebemos palavras duras, repreensões e desencorajamentos, que calam em nossa mente e ficam ali, dando voltas e tentando mostrar a todo momento que você é um fardo.



Bem, sentir na pele e na mente é fácil. Todos fazemos isso e sofremos com isso quando as palavras nos afetam. Mas e quando somos nós que estamos ferindo alguém com nossas palavras?


As vezes uma simples piada, uma brincadeirinha branca, um comentário ácido ou mesmo uma verdade dita de forma muito direta podem afetar o dia a dia, o comportamento e a vida de alguém.


Quase todas as pessoas guardam marcas de palavras que ouviam quando crianças, das ameaças para não mexer nas coisas alheias ou para agir de determinada maneira (que podem desencadear comportamentos oprimidos ou transgressores). Muitas dessas palavras não eram as mais gentis, ou as mais adequadas, para dirigir a uma criança. Por outro lado, muitas palavras ditas ainda na infância podem ter desencadeado em você uma coragem, uma vontade ou um incentivo para fazer alguma coisa...


Eu me recordo sempre das palavras e das atitudes da minha mãe sobre os estudos. Ela tanto me incentivava a estudar como me trazia, sempre que podia, livros, cadernos, papel, lápis, canetas e tudo o mais relacionado com a educação. Isso me encorajou! Me deu o incentivo que eu precisava para investir (aqui estou falando mais em investir tempo e dedicação) nos meus estudos. Hoje penso que se não fosse por essas palavras (e ações) na infância minha vida teria um rumo totalmente diferente. Não que isso seria ruim. Mas poderia não me deixar tão feliz como sou na profissão que escolhi.


Assim, pensar nas palavras ditas diariamente e nem sempre pensadas antes de dizer me faz questionar as minhas falas e as falas das pessoas ao meu redor. Encorajar alguém não custa nada, mas pode fazer toda a diferença na vida dessa pessoa. Assim como desencorajar também... E ambas as ações podem ser feitas por meio das palavras. 

Por isso pense, reflita e tenha certeza do que vai dizer para alguém. Você pode ajudar a construir vidas. E nunca é tarde para usar o dom da fala para coisas boas. Lembre-se: suas palavras têm poder!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...